mai

3

Ciretrans já se adaptam a novo sistema de habilitação

By admin

Perkons

Portal do Trânsito – SP

Sistema foi desenvolvido para agilizar o tramite na emissão de CNH

    As unidades da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) da região começaram a se adequar ao sistema eCNHSP, em funcionamento desde o dia 28/04, desenvolvido pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran) para agilizar o trâmite na emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Em Ferraz de Vasconcelos, diretores de Centros de Formação de Condutores (CFCs) receberam orientações sobre o software que irá reter e direcionar informações de quem desejar obter a primeira habilitação, renovação, adição ou mudança de categoria ou reabilitação.

Para o motorista, porém, pouca coisa muda. A partir de agora, antes de procurar a Ciretran para a renovação, o interessado terá de fazer um cadastro no site www.ecnh-sp.sp.gov.br, para saber data e horário em que será atendido. O sistema irá reformular o procedimento interno de emissão.

Em março, o Detran realizou um treinamento sobre o sistema, com delegados dos Ciretrans da região, psicólogos credenciados e diretores de CFCs. Agora, para dar continuidade ao procedimento de primeira habilitação, renovação, adição ou mudança de categoria de habilitação, o interessado deverá acessar o sistema que irá gerar data e hora para o comparecimento à Ciretran, além de relacionar os documentos necessários para a próxima etapa que dará continuidade ao processo.

De acordo com o delegado da unidade de Ferraz, Wagner Lombisani, o tramite irá diminuir o tempo de espera e conclusão do processo. Entretanto, o objetivo é inibir a prática de fraudes. Cada funcionário envolvido no procedimento de CNH deve receber um CPF digital, que, acompanhado de uma senha pessoal. ”Com esta certificação digital poderemos ter acesso ao sistema e fazer as alterações necessárias. Com este credenciamento, será possível monitorar o que cada funcionário está ou não autorizando, diminuindo a possibilidade de fraudes, aumentando a garantia de chegar até os responsáveis caso houver”, explicou o delegado.

Médicos, donos e empregados de auto-escolas, despachantes, psicólogos, servidores e policiais estão incluídos no processo. ”Só há a possibilidade de alterar o sistema pelo CPF digital”. Para o delegado, o sistema é importante. ”Chegou na hora certa. Além de ágil, será mais justo e seguro tirar a CNH”, destacou.